BREVES
OPART, E.P.E.: trabalhadores solicitam reunião ao PM; Presidente da empresa na China
Ao segundo dia de greve dos trabalhadores do OPART, E.P.E. à ópera La Bohéme, anunciamos que o CENA-STE irá solicitar uma reunião com o Primeiro-Ministro, Dr. António Costa. E hoje, apesar da situação complexa vivida, o Presidente da empresa decidiu-se por seguir viagem com a comitiva que integrará o Festival de Cultura Portuguesa na China.
Continuamos sem ópera: greve prossegue no OPART, E.P.E.
Depois de ontem o Conselho de Administração do OPART, E.P.E.(CA) e o governo terem decidido suspender as negociações em curso com o CENA-STE, os trabalhadores da empresa, reunidos hoje antes da estreia da ópera La Bohéme, decidiram manter as greves agendadas. Os trabalhadores consideraram que este novo revés é inaceitável visto que neste momento, para que haja acordo total e se inicie a negociação séria e com tempo do Regulamento Interno de Pessoal (RIP), subsiste apenas um ponto, mas que é aquele que originou todo este processo: a harmonização salarial dos técnicos do Teatro Nacional de São Carlos (TNSC) com os da Companhia Nacional de Bailado (CNB) com o compromisso firmado pelos três organismos. Esta manhã, o Presidente da República, Prof. Marcelo Rebelo de Sousa, contactou os representantes sindicais para se inteirar da situação. Durante a tarde o CENA-STE esteve reunido com assessores culturais e jurídicos do seu gabinete e saímos desta reunião com a nítida sensação de que ficou a Presidência com a noção clara da forma pouco ponderada e equívoca com que o CA e o governo geriram toda esta situação.
Hoje não há Ópera: por condições laborais justas; pelo público
Governo e Conselho de Administração continuam sem dar todas as garantias necessárias e de forma taxativa. Greve no Teatro Nacional São Carlos à ópera La Bohème inicia-se esta sexta feira. Até ao seu início continuam o CA e o Governo com todas as possibilidades de, assim o querendo, evitar a greve.
Greve no OPART, E.P.E. mantém-se
Os representantes sindicais do CENA-STE reuniram hoje com o Presidente do Conselho de Administração do OPART, E.P.E. a pedido deste. Perante o que nos foi transmitido, o CA do OPART, E.P.E. e o governo têm agora que, recuperando a confiança dos trabalhadores do OPART, E.P.E., envidar todos os esforços para responder às reivindicações dos trabalhadores de forma ágil, rápida e clara. Será da sua inteira responsabilidade se a ópera "La bohème", o bailado "D.Quixote" e o espectáculos do Festival ao Largo não acontecerem.
Actividades Profissionais do Espectáculo
 

Aderecista

Agente

Assistente de Produção

Cabeleireiro

Caracterizador

Carpinteiro

Cenógrafo

Costureira

Desenhador de luz

Desenhador de som

Director artístico

Disc-Jockey

Figurinista

Maquilhador

Operador de Luz

Operador de som

Operador de video

Produtor

Secretário de Produção

Sonoplasta

Técnico de montagem de estruturas, cenários e outros

 

Circo

 

Acrobata

Amestrador de animais

Artista de aéreos (Artista de Trapézio fixo, artista de Tecidos Verticais, artista de Corda vertical, artista de Corda Bamba, artista de Lyra, Aramista, artista de Mastro chinês, artista de Cintas, Funambulo e outros)

Artista de equilíbrios (pinos)

Artista de Pantomima

Artistas de andas (andarilhos)

Artistas de fogo (cuspidor de fogo, malabarista de fogo, manipulador de fogo)

Contorcionista

Equilibrista

Ilusionista

Mágico

Malabarista e manipulador de objectos

Manipulador de objectos

Marionetista, Bonecreiro, manipulador de bonecos, Ventríloquo

Mimo

Monociclista e outros

Palhaço

Tratador de animais

 

Dança

 

Coreógrafo

Assistente de Coreografia

Ensaiador

Performer ou Bailarino

 

Música

 

Instrumentistas

Voz: cantores líricos/concerto; fadistas; coralistas

Compositores

Direcção: maestros; regentes de orquestra, filarmónica ou coros

 

Teatro

 

Dramaturgo

Encenador

Contra-regra/ Director de Cena

Actor

Ajudante de cena

Assistente de Encenação

Assistente de Movimento

Assistente Vocal

Ponto