BREVES
Levantada a greve na Plural Entertainment
Com a garantia de reabertura de negociações, os trabalhadores do Grupo Plural Entertainment decidiram levantar a greve agendada para o período de 18 a 31 de Dezembro. Ontem, ao final do dia, decorreu a primeira reunião desta nova fase de negociação. Com alguns pontos já fechados, esperamos que elas se concluam rapidamente e de forma positiva.
Novo pré-aviso de greve no Grupo Plural Entertainment
Depois de a Administração do Grupo Plural Entertainment ter decidido retirar-se das negociações relativas a horários e salários, os trabalhadores decidiram-se por novo período de greve ao trabalho depois das 8h diárias. Esta nova greve terá o seu início no dia 18 e decorrerá até dia 31 deste mês. Hoje mesmo informámos a Administração do GPE que continuamos disponíveis para reatar negociações, evitando esta nova paralisação.
Greve CCB coloca espectáculos em risco
A greve por tempo indeterminado ao trabalho suplementar que está a ser levada a cabo pelos técnicos da Fundação Centro Cultural de Belém, irá este sábado, dia 8 de Dezembro, colocar em risco a realização dos dois espectáculos ali programados. Leia aqui o comunicado.
Mantém-se a greve na Plural Entertainment
A proposta de negociação apresentada ontem aos trabalhadores não teve aprovação. Ainda hoje o CENA-STE irá enviar uma contra-proposta à Administração do Grupo Plural Entertainment, mantendo assim em aberto as negociações, certos de chegarmos a uma solução de acordo. Até lá, os trabalhadores continuarão em greve parcial até ao dia 10, realizando apenas 8 horas de trabalho diário.
Classificação e Nomenclaturas
 
Classificação e Nomenclaturas

Classificação das Actividades Económica (CAE Rev 2.1) - Decreto Lei n.º 197/2003 (27 Agosto).

Classificação das Actividades Económicas (CAE Rev 2) - Decreto Lei n.º 182/1993 (14 Maio).

Classificação Nacional de Profissões. (versão 1994):
D.R n.º 91/95 de 18 de Abril, IIª Série
D.R n.º202/95 de 1 de Setembro, IIª Série

Classificação Nacional de Áreas de Educação e Formação - Portaria n.º 256/2005 (16 Março).