BREVES
Conquista CNB: 35h para todos
Desde o dia 1 de Setembro de 2017, todos os trabalhadores de todos os departamentos da CNB viram os seus horários ajustados para as 35h semanais. O aumento da unidade e da capacidade de reivindicação na CNB e no OPART foi decisiva para alcançar esta conquista, certamente que com este espírito, no futuro outras se seguirão.
TNSC: Delegados Sindicais eleitos
Estão eleitos os Delegados Sindicais no Teatro Nacional de São Carlos. O músico Carolino Carreira e a coralista Madalena Paiva Boléo são os novos representantes dos trabalhadores dentro do Teatro e do OPART,E.P.E. Aos dois desejamos um excelente mandato, contribuindo para o aumento de intervenção e representatividade do Sindicato neste local de trabalho e contribuindo para o reforço da nossa intervenção nesta área disciplinar. 
AMEC-Metropolitana: Respostas à Carta Aberta
Termina hoje a campanha eleitoral e por isso o prazo para as candidaturas à CML responderam à nossa Carta Aberta. Apenas 3 candidaturas tenham dado resposta: PCTP-MRPP e CDU por escrito e PAN em reunião. Leia aqui as opiniões destas candidaturas.
Apoio às Artes: Proposta de Regulamento é insuficiente
O CENA-STE considera que a Proposta de Regulamento dos Programas de Apoio às Artes é insuficiente e continua a não responder a questões importantes para a estabilidade do sector e para os direitos dos trabalhadores. Continuando a existir um grande consenso no sector sobre esta insuficiência, apelamos a que continuem a fazer chegar os vossos parecer através do e-mail: regulamento.artes@mc.gov.pt Leia aqui o parecer do CENA-STE.
Ética profissional
 

O presente código de ética é um conjunto de parâmetros adoptados pela comunidade profissional, que favorece o desenvolvimento sustentado do sector do Espectáculo e Audiovisual e estimula, de forma equilibrada, a progressão das carreiras.

Desta forma, o CENA recomenda:

  1. Zelar pela qualidade do seu desempenho profissional;
  2. Elucidar-se previamente sobre todos os aspectos do trabalho a executar;
  3. Assumir os compromissos contratualmente;
  4. Defender os direitos de autor e direitos conexos, seus e de outros;
  5. Garantir a honestidade e a transparência nas suas acções;
  6. Concorrer com os colegas de forma leal, sem difamar ou prejudicar a moral dos profissionais da sua área;
  7. Respeitar a confidencialidade das informações relacionadas com o trabalho.