ARQUIVO
Notícias
 

CCB - Eleição de Delegado Sindical e reunião com Administração
há +9 semanas
Durante o dia de hoje o CENA-STE elegeu os seus representantes sindicais e esteve reunido com o Conselho de Administração do CCB a propósito do pré-aviso de greve para os dias 27 e 28 de Abril durante a realização do festival Dias da Música. 
 
O trabalhador Eduardo Nascimento foi assim eleito como Delegado Sindical e o trabalhador Ricardo Melo como seu suplente. Esta eleição comprova o crescimento do CENA-STE nesta instituição e é mais um passo decisivo para uma maior e melhor organização dos trabalhadores num momento fulcral para que as suas reivindicações sejam atendidas. 
Aos dois deixamos votos de bom trabalho e confiamos que serão capazes de representar os trabalhadores da melhor forma. 
 
Na reunião com o Conselho de Administração foram debatidos os 4 pontos de reivindicação constantes no pré-aviso de greve
 
O reconhecimento da justeza das reivindicações dos trabalhadores durante a reunião, por parte do CA, foi um passo importante para que daqui para a frente se encontrem os consensos necessários. Esperamos que desta vez - e depois da apresentação do Caderno Reivindicativo em Março de 2018 - seja possível realizar um conjunto de negociações efectivas que culminem em alterações nas tabelas salariais, nas carreiras, na organização do trabalho e no quadro de pessoal do CCB, com a necessária contratação de mais trabalhadores para suprir as necessidades presentes.
 
No final da reunião foi acertado um plano de trabalho para encetar negociações em diferentes áreas e é esse plano que irá ser posto à consideração dos trabalhadores. Será sua a soberana decisão de o aceitar ou de exigir uma concretização mais específica de alguns dos pontos e, consequentemente, decidir sobre a manutenção ou retirada do pré-aviso. 
 
Tal como transmitido pelo CENA-STE durante esta reunião, consideramos que após a apresentação do Caderno Reivindicativo, se perdeu um ano que teria sido de extrema importância para que todas estas reivindicações - que repetimos todos consideram justas - fossem debatidas e negociadas com outra estabilidade e confiança.