ARQUIVO
Notícias
 

CENA apoia a candidatura de Idanha-a-Nova à Rede de Cidades Criativas da UNESCO
há 171 semanas

Idanha-a-Nova apresentou a sua candidatura à Rede de Cidades Criativas da UNESCO no âmbito da música. É com todo o prazer que o CENA se associa a esta candidatura, tendo já enviado à UNESCO uma carta em que explica os motivos do seu apoio.

"Na apresentação da primeira candidatura portuguesa a Cidade da Música, o presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, evidenciou a "extraordinária herança cultural do concelho", que é, em grande parte, resultado do papel central que a música tem na vivência das populações."

Idanha-a-Nova sempre valorizou e acarinhou os seus artistas, designadamente os seus músicos, enquanto portadores e transmissores da herança comunitária colectiva que é a música. Como tal, a cidade tem vindo a promover inúmeras iniciativas e políticas com o objetivo de apoiar os profissionais das artes, de entre as quais se destacam o Programa Recomeçar em Idanha-a-Nova, que é projectado para atrair e reter os jovens em geral, a sua incubadora criativa ou as residências artísticas que mantêm músicos actualizados com os mais recentes conhecimentos, ideias e técnicas de reprodução.

Por estas razões, a presente candidatura tem o apoio inabalável do CENA. Idanha-a-Nova está comprometida com o desenvolvimento de talentos e capacidades dos profissionais das artes, bem como com o fomentar de um sector cultural local dinâmico que acolha todos os tipos de criadores.